06 de Setembro de 2017

Seja na Catedral ou num belo seringal

Publicado por

“Maria de Nazaré,  Maria me cativou,
Fez mais forte a minha fé,
E por filho me adotou”

O Purus hoje escuta alegre,
Esta canção nos lábios dos seus.
A Santa Virgem é recordada,
Nos benditos do povo seu.

Seja na Catedral ou num belo seringal,
Novenas, festejos , rezas,
Embalam o louvor maternal,
Daquela que nos deu a maior graça,
Jesus, o Bendito seu.

O bendito entoados nas vozes de tantas Marias,
Louvam e pedem a Bendita Maria,
Que bem conhece suas dores maternais.
Comunhão de almas de tantas Marias,
Na Doce Maria que nos faz tão bem.

Nossa aldeia, nosso serigal, hoje é Nazaré,
Onde Jesus, o Filho se faz curumim,
Para assim abençoar e amar,
E a Santa Virgem também,
Partilhando o Filho,
E ensinando a Ele adorar.

Por pe. Éder Carvalho Assunção. Missionário da Prelazia de Lábrea no Corno da África [email protected]

Uma leitura Orante :

Leituras do Dia

1ª Leitura – Mq 5,1-4a
Salmo – Sl 70(71),6; Sl 12(13),6 (R. Is 61,10)
Evangelho – Mt 1,1-16.18-23

 

Leituras Facultativas

1ª Leitura – Rm 8,28-30
Evangelho – Mt 1,18-23

 

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.requerido

*

* *