24 de Junho de 2017

De um seio estéril nasce um anúncio fecundo

Publicado por

Celebrar o nascimento de São João Batista reaviva em nós um sentimento de gratidão ao Pai pelo envio de seu Filho, nossa salvação.

João representa a confiança do Pai na humanidade, pois mesmo sem precisar, quis o auxílio de uma criatura para preparar o terreno para a chegada do Filho Bem Amado.

Izabel, pessoa idosa e estéril, parece ser imagem do Povo da Aliança, infecundo e perdido na tristeza.

Eh, mas Isabel trazia também no peito a fecundidade das mulheres de Israel e assim, a Providência em seu seio se manifestou.

Zacarias, mudo na dúvida, porém sábio no temor, confirma o Nome: é João!

Assim, mais uma vez a história se coloca de joelhos diante de uma Sagrada Manifestação.

De um seio estéril nasce um anúncio fecundo, de uma paternidade muda soa a mais bela voz profética.

João acompanhou seu Senhor na alegria da encarnação, na austeridade do anúncio do Reino, na entrega eucarística do martírio.

Por pe. Éder Carvalho Assunção. Missionário da Prelazia de Lábrea no Corno da África [email protected]

Leituras do Dia

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.requerido

*

* *